R$ 0,00 0

MÉTODOS ALTERNATIVOS COMPLEMENTAM PROGRAMAS DE GESTÃO DE FUNCIONÁRIOS

MÉTODOS ALTERNATIVOS COMPLEMENTAM PROGRAMAS DE GESTÃO DE FUNCIONÁRIOS

Thumbnail

Astrologia, feng-shui, radiestesia e grafologia são algumas das práticas que estão sendo utilizadas pelas empresas nos processos de seleção de funcionários e na gestão de pessoas. Esses métodos alternativos variam de acordo com o tamanho da empresa, sua tradição e as convicções de seus donos. Uma pesquisa da Faculdade de Economia e Administração (FEA) da USP analisou essas técnicas, usadas para complementar as tradicionais, como a análise de currículo.

A pesquisa constatou, entre outras técnicas, o uso da grafologia (estudo da personalidades pela caligrafia) , astrologia, feng-shui, numerologia, shiatsu e radiestesia (técnica que, por meio de varetas e pêndulos, busca analisar radiações que influenciariam os seres vivos). Segundo Elenir Honorato Vieira, autora da pesquisa de doutorado, algumas dessas práticas são mais comuns em processos de seleção, enquanto outras são utilizadas na gestão de funcionários e na gestão estratégica de empresas. 

De acordo com o estudo, as organizações mais tradicionais resistem a esses métodos, até pela falta de estudos científicos sobre o tema. Apenas a grafologia é utilizada nas empresas maiores. “Os métodos considerados esotéricos são mais freqüentes nas pequenas e médias organizações, geralmente por uma indicação do dono”, explica Elenir. Outra questão apontada pela pesquisadora diz respeito ao acesso aos resultados do teste de grafologia. “Algumas empresas permitem que o candidato tenha acesso aos resultados da análise. Já em outras, ele nem fica sabendo que foi submetido a esta prática, o que pode ser um problema ético”. 

Processos de seleção

A astrologia, a grafologia e a radiestesia (encontrada em uma das 11 empresas estudadas) foram usadas, inclusive, na seleção de cargos gerenciais. “No caso da astrologia, as empresas fazem um mapa do candidato para ver se ele e se seu momento de vida estão compatíveis com o da empresa. Para isso, é necessário saber a data e o horário exato do nascimento da pessoa, o que muitas vezes é um problema”, explica Elenir. 

No uso da grafologia, pede-se aos candidatos que escrevam um texto com tema livre, sem rascunho e que, ao final, assinem da mesma forma como fazem em documentos. Em uma das empresas estudadas, uma radiestesista, sem contato com os funcionários, analisava pontos de energia para fazer a seleção.

O feng-shui, técnica oriental de organização dos espaços da casa, e a radiestesia foram utilizados por algumas empresas para melhorar o espaço de trabalho. Shiatsu, tai-chi chuan e yoga, exercícios e técnicas orientais de relaxamento, são outras práticas aplicadas para diminuir o estresse dos funcionários, além da aromaterapia e da musicoterapia, que também são empregadas em eventos e lançamentos. 

Alguns funcionários são resistentes quanto às práticas, principalmente os religiosos, mas, segundo as empresas, eles não são obrigados a acreditar. Em todas as empresas envolvidas no estudo, os métodos tradicionais ainda são mantidos. Essas novas técnicas são usadas em complemento a outras e nos estágios finais da seleção. O trabalho, pioneiro em tratar a questão, analisou as práticas utilizadas, mas não sua eficiência. Elenir pretende continuar a pesquisa sobre o tema, ainda pouco explorado em pesquisas acadêmicas e de empresas.

Fonte: USP Notícias

Seu carrinho

Nenhum produto no carrinho.

DG Terapias
Hit Enter to search or Esc key to close